Rachel Sheherazade sobre saída do SBT: “Dono da Havan pediu minha cabeça”

Em entrevista a Leo Dias, Rachel Sheherazade falou sobre a saída do SBT após 9 anos. Durante a conversa, a jornalista revelou que precisou blindar o carro e disse que a demissão veio porque o empresário Luciano Hang, dono da Havan, teria pedido que Silvio Santos a demitisse.A jornalista explica que percebeu que estava com o emprego em risco após a declaração pública do empresário. “Ele veio a público pedir a minha cabeça. Ele é um dos maiores patrocinadores do SBT e de outras grandes emissoras também. Então, ali eu já sentia alguma coisa”.

Segunda Rachel, a decisão de andar com carro blindado é porque recebe ameaças de grupos políticos e por isso precisou mudar alguns hábitos. “A primeira coisa que eu fiz foi blindar o meu carro. Teve um tempo, que no governo da Dilma, uns grupos de extremistas decidiram fazer um movimento em frente ao SBT contra mim”, revela. Em seguida, completa: “Mas eu não digo que o PT, ou o MBD, ou o PSL são extremistas. Existem blocos ou seguidores que são. Mas a partir daí eu blindei o carro, eu decidi ter mais cuidados”.

Ela afirmou que a “despedida do veículo vai doer”, mas ressaltou que tem projetos para TV fechada, streaming e YouTube. O contrato dela vai até o dia 31 de outubro, Rachel foi questionada se tentou negociar sua permanência, mas ela negou. “Há cerca de 1 ano eu já sentia que isso iria acontecer”, explicou.MEIA HORA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *