Norma Ferreira diz que retirou estudantes que estudavam em sucata de carros velhos e os colocou em escola digna

A ex-prefeita e candidata ao executivo municipal de São José de Mipibu, Norma Ferreira, numa conversa com aliados, na segunda-feira, 5, relembrou como recebeu o município, há 16 anos atrás, no começo do seu primeiro mandato. “Recebi veículos sucateados das poucas secretarias que tinham carro próprio, como Educação e Saúde. As sucatas eram encostadas no pátio das Secretarias de Transporte e Obras, que funcionavam onde hoje está sendo construído um posto de gasolina, na Avenida Olavo Feliciano, ao lado da Escola Municipal Severino Bezerra.

No meio da sucata, a gestão que me antecedeu, a mesma que está hoje no poder hoje, colocou para funcionar uma escola de Educação Infantil. Isso mesmo, em um espaço que não tinha a menor condição para funcionar uma escola”.

Norma lembra que, de forma emergencial, fez um convênio com a Loja Maçônica da cidade e alugou o prédio para receber os alunos que estudavam na sucata, até que fosse construída uma nova escola.”Na minha gestão, construí várias escolas, dotei os alunos de fardamento  melhorei o salário dos educadores, passei a pagar os salários em dia. Ou seja, dei dignidade a todos”. afirma Norma.

VEÍCULOS PARA AS SECRETARIAS

Quanto às sucatas, ela disse que tratou de desocupar o ferro velho que estava amontoado  e aos poucos a prefeitura foi comprando veículos para todas as secretarias. “Entreguei a prefeitura com veículos para todas as secretarias e em perfeitas condições de uso, diferente do que recebi, quando assumi o primeiro mandato. Querem me acusar de ter deixado sucata, mas foram eles que assim fizeram. Pensam que o povo tem memória curta, mas o povo é sábio e vai lembrar desta história recente do nosso município”.

AGENDA

Norma estará na tarde desta terça-feira, 6, na comunidade de Laranjeiras do Abdias, em reunião com apoiadores. Os demais candidatos a prefeito de São José não divulgaram suas agendas até o momento. (Foto: ilustração). 

Fonte: Blog do João 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *