Vereador, cantor gospel e ex-Olodum, Irmão Lázaro morre na Bahia vítima da Covid-19

Vereador em Salvador (BA) pelo PL e cantor gospel, Antônio Lázaro Silva, conhecido como Irmão Lázaro, morreu nesta sexta-feira (19) aos 54 anos, em Feira de Santana, no interior baiano, onde estava internado desde 25 de fevereiro após contrair Covid-19. “Hoje a pessoa mais importante da minha vida se foi. O homem que eu mais amei e continuarei amando o resto da vida”, lamentou a filha Marta Silva.

Nascido no bairro da Federação, em Salvador, o político e artista tocou contrabaixo em várias bandas baianas, em bares, boates e, em outra fase da vida, ficou famoso como um dos integrantes da Banda Olodum. Nessa época, era conhecido como Lázaro Negrume e emplacou um grande sucesso, a música “I miss Her”, também chamada de “melô do pom pom pom”, um dos grandes hits do axé.

A jornada gospel começou após um período de dependência química. Pastor da igreja Batista Luz Divina em Feira de Santana, ele adotou o nome de Irmão Lázaro e passou a fazer shows e apresentações em igrejas, congressos e encontros religiosos.

O artista levou o axé para suas louvações, com grande sucesso. O “pom, pom, pom” de “I miss her” se transformou em “eu sou de Jesus, eu sou de Jesus”.

A vida política começou em 2014, quando ele foi eleito deputado federal. Quatro anos depois, tentou uma vaga no Senado pelo PSC, mas não foi eleito. Nas eleições de 2020 conseguiu uma das vagas na Câmara Municipal de Salvador.

Também foi secretário de Relações Institucionais em Salvador, em 2016. Coordenou o projeto “Sua Vida Vai Mudar”, focado na recuperação de dependentes químicos.

Irmão Lázaro é o fundador da Comunidade Terapêutica Sentimento Novo, que recebe dependentes químicos para tratamento. “Em apenas uma semana, 15 mil pessoas morreram no país. Só eu perdi duas pessoas muito queridas. Hoje, com tristeza, me despeço de Irmão Lázaro, mais uma vítima da Covid. Não são só números. São vidas, histórias, famílias em luto”, lamentou o ACM Neto, ex-prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM.

ACM Neto lembrou do vereador como um artista que emocionou muita gente com a voz inconfundível.

O deputado federal Kim Kataguiri disse estar muito triste com a morte de Irmão Lázaro. “Mais um dos mais de 290 mil brasileiros que não resistiram a esse vírus maldito. Meus sentimentos aos amigos e familiares”, afirmou.

FOLHAPRESS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *