Ministério da Segurança Pública prorroga presença da Força Nacional no RN

O Governo Federal prorrogou nesta terça-feira, 24, por mais 180 dias, a presença da Força Nacional de Segurança Pública no Rio Grande do Norte. Os agentes públicos estão atuam em diversos municípios potiguares desde 27 de dezembro de 2017, quando os policiais civis e militares do Estado iniciaram uma paralisação das atividades.

A Portaria nº 1.242, de 27 de dezembro de 2017, autoriza a presença da Força Nacional, além do Rio Grande do Norte, nos estados do Rio Grande do Sul e de Sergipe.

No Rio Grande do Norte, os agentes de segurança atuam nas ações de policiamento ostensivo, polícia judiciária e na perícia forense.

A portaria aponta, ainda, que os três Estados deverão dispor de infraestrutura necessária à instalação da base administrativa da operação, bem como permitir o acesso aos sistemas de informações e ocorrências no âmbito da Segurança Pública, durante a vigência desta Portaria.

Os profissionais a serem disponibilizados pelo Ministério da Segurança Pública obedecerão ao planejamento definido pelos entes envolvidos na operação.

AGORA RN

Advogado é encontrado morto depois de ser levado em assalto na Grande Natal

Um advogado de 67 anos foi encontrado morto nesta segunda-feira (23) em uma estrada de terra na localidade de Cajupiranga, em Parnamirim, Grande Natal. Rubens de Azevedo Maia havia sido visto pela última vez na noite deste domingo (22), quando foi levado por assaltantes da frente da casa onde morava, no bairro Liberdade, também em Parnamirim.

De acordo com a Polícia Militar, Rubens chegava com a esposa em seu carro, uma caminhonete Hilux, no momento em que foi abordado por dois criminosos armados. Os homens mandaram a mulher descer do veículo e fugiram levando o automóvel e o advogado.

Ainda segundo a polícia, Rubens de Azevedo Maia foi morto com tiros na cabeça. A PM segue realizando patrulhamento para tentar localizar os responsáveis pelo crime. O carro roubado foi encontrado próximo ao corpo.

Rubens Maia tinha três filhos, o mais novo com 13 anos de idade.

G1RN

Nome da família Ferreira volta a ser cogitado para uma possível pré-candidatura a Deputado(a) Estadual

Chega ao JL, por uma fonte ligada ao Governador Robinson Faria – PSD, que o mesmo insiste que a família Ferreira indique um nome para apoiar pré-candidatura a Deputado(a) Estadual.

O nome que Robinson quer é o da ex-prefeita de São José de Mipibu Norma Ferreira – PSD.

Mas a fonte informou que Norma não quer.

Robinson insiste e disse que tem até o dia 04 de agosto.

Se Norma aceitar, São José de Mipibu contará com a oposição em palanques diferentes disputando cargo de Deputado Federal e Estadual.

Mesmo com vereador eleito, Bairro Novo continua do mesmo jeito

Já falei por diversas vezes que ser político não deve ser um sonho, nem status, mas voluntariedade.

Quando fui candidato, sei que não fiz o discurso demagogo que queriam, fiz o discurso que o eleitor brasileiro não está preparado e nem aceita ouvir.

Falei que sou um jovem preparado, dedicado e busco atingir os objetivos, embora não seja simpático ao ponto de bater no ombro e oferecer festas, pois esse não deve ser o perfil de um político.

Pois bem, vamos ao que interessa!

Há 1 ano e 6 meses, o Bairro Novo conta com um vereador que mora na comunidade e contabilizou maior parte dos seus votos nas seções da Escola Rafael Garcia.

Eleito, comemorou, fez festa, mas o Bairro Novo continua do mesmo jeito.

Será que valeu a pena?

Trabalho social zero, esporte zero, educação zero. A saúde só teve atenção, por que o ex-secretário de Saúde Alexandre Dantas, olhou para o Bairro Novo e fez algo.

Para mim tanto faz, ter mandato ou não. Continuo fazendo meu trabalho de justiça social através do blogue, que é mais democrático do que usar a tribuna da Câmara Municipal de São José de Mipibu, pensando em 2020.

Prefiro escrever e pronto. Melhor do que ter mandato e não fazer nada.

Escrevo voluntariamente. Ter mandato tem salários, verbas de gabinete e cargos comissionados indicados, não esqueçamos disso.

Se o povo escolheu assim, exerceram sua democracia de forma equivocada.

Vamos cobrar trabalho. Vamos cobrar o prometido!

Médico brasileiro estuda cura definitiva do HIV. 2 Pacientes conseguiram eliminar o vírus na 1ª fase dos testes

Há seis anos, o infectologista Ricardo Diaz devota a maior parte do tempo do seus dias à solução de um problema global: a infecção pelo vírus HIV. E ele pode estar chegando mais perto da cura, conforme indicam os resultados preliminares de seu experimento, obtidos pela BBC News Brasil.

Diaz, que é pesquisador da Escola de Medicina da Unifesp, lidera um estudo que, no último ano, conseguiu erradicar completamente o vírus HIV de duas pessoas soropositivas, segundo os resultados.

Agora, elas estão sendo acompanhadas para ver como seu organismo reage sem o tratamento experimental.

O estudo ainda não foi publicado, mas será apresentado na íntegra, pela primeira vez, no Congresso Internacional de Aids, o mais importante do mundo sobre o tema, que acontece na Holanda a partir desta segunda-feira.

A infectologista Melissa Medeiros, especialista em HIV e consultora da Sociedade Brasileira de Infectologia, diz que a pesquisa é “extremamente promissora” e “traz esperança, acima de tudo”. No entanto, ela afirma que é preciso avançar nos testes para saber qual seria o impacto do tratamento nas pessoas. “Quando se fala de algo assim, as pessoas já acham que a cura chegou. Mas é importante saber que há um tempo de pelo menos cinco a 10 anos até as pesquisas chegarem à população. É preciso bastante tempo até sabermos se a pesquisa será mesmo bem-sucedida e se é segura”, disse à BBC News Brasil.

R7, com BBC Brasil

Veja os candidatos a presidente definidos nas convenções partidárias

No primeiro fim de semana de convenções nacionais, os partidos políticos confirmaram cinco candidatos a presidente da República: Ciro Gomes (PDT), Guilherme Boulos (PSOL), Jair Bolsonaro (PSL), Paulo Rabello de Castro (PSC) e Vera Lúcia (PSTU). As convenções têm de ser realizadas até 5 de agosto, e o prazo para pedir o registro das candidaturas na Justiça Eleitoral encerra-se em 15 de agosto.

A lei eleitoral permite, a partir da homologação das convenções, a formalização de contratos para instalação física e virtual dos comitês dos candidatos e dos partidos. O pagamento de despesas, porém, só pode ser feito após a obtenção do CNPJ do candidato e a abertura de conta bancária específica para movimentação financeira de campanha e emissão de recibos eleitorais.

AGÊNCIA BRASIL/Adaptado

Em qual palanque está o Acordão?

Difícil dizer quem qual palanque estará o “acordão” nas eleições de 2018. No da Senadora Fátima Bezerra – PT, Carlos Eduardo – PDT, Governador Robinson Faria – PSD.

Como todos sabemos, em cada eleição formar-se alianças com famílias tradicionais e apelidam no meio político de “Acordão”. Em 2014 ficou nítido o “acordão” no palanque do ex-ministro Henrique Eduardo Alves –MDB, que acabou sendo derrotado pelo atual governador Robinson Faria no segundo turno das eleições.

Em 2018, tem ficado difícil dizer quem fez “acordão”. No palanque da pré-candidata ao governo, senadora Fátima Bezerra – PT a família Maia se faz presente com a pré-candidatura ao senado da deputada federal Zenaide Maia – PHS.

No palanque do pré-candidato ao governo, ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo – PDT contará com o apoio do primo e Senador Garibaldi Filho – MDB, do Senador Agripino Maia – DEM e da ex-governadora e atual prefeita de Mossoró Rosalba Ciarlini – PP.

Já no palanque do Governador Robinson Faria – PDT, esse contará com o maior apoio político da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte com o apoio do PSDB que conta com a maior bancada da casa que soma com o Deputado Federal Rogério Marinho – PDSB.

Sinceramente, tá difícil dizer se tem “ACORDÃO”, nas eleições de 2018. Quem usar esse discurso, se perderá no meio do caminho.

PROCON Natal divulga ranking dos postos que vendem combustíveis baratos em Natal

O Procon Natal – Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor de Natal – realizou, no dia 17 de julho, mais uma pesquisa para confirmar a redução nos preços de combustíveis. Foi constatada variação negativa e uma redução de (-0,90%) em relação à pesquisa anterior na primeira semana do mês.

A pesquisa foi feita em 66 postos de combustíveis nas quatro regiões administrativas da cidade. Apesar da paralisação de setores de transportes no primeiro semestre e da negociação do Governo Federal estabilizando o valor do diesel, os preços dos combustíveis em Natal apresentam variação negativa, mesmo que a Petrobras não tenha anunciado oficialmente qualquer mudança na sua política de equiparação do o barril de petróleo com a moeda internacional.

A pesquisa completa com o ranking dos postos que vendem o combustível mais barato está no site www.natal.rn.gov.br/procon. Em virtude da identificação de preços promocionais nos diversos postos da cidade e sem nenhuma posição da Petrobras e dos órgãos que regulamentam os valores dos combustíveis sobre redução nos preços, o Núcleo de Pesquisa do Procon Natal concluiu que se trata de uma promoção passageira que os donos de postos estão praticando.O Procon Natal orienta que os consumidores fiquem atentos aos preços, que estes verificam em sua rotina pesquisando sempre os melhores valores e o custo-benefício na hora de abastecer.

O Procon Natal reafirma que está com sua equipe de fiscalização preparada para qualquer possível abuso no repasse de qualquer aumento que seja anunciado pela Petrobras e se configure crime contra a ordem econômica pelos donos de posto de gasolina, desde que receba denuncia por parte do consumidor.

AGORA RN

Na convenção de Bolsonaro, Magno Malta faz discurso inflamado e defende alterar composição do STF

Apoiadores de Jair Bolsonaro compareceram na manhã deste domingo à convenção do Partido Social Liberal (PSL), que oficializou a candidatura do deputado à Presidência da República. Entre eles, o senador Magno Malta fez um discurso inflamado, em que defendeu alterações na Constituição para mudar a composição do STF: “é preciso que ponha mais dez lá”. “Precisamos de pessoas que amem a família”, prosseguiu. Há três semanas, aconselhado por Malta, Bolsonaro também defendeu a ideia em público.

Magno Malta chamou Bolsonaro de “Presidente da República”. Prometeu lealdade a ele no Senado, atacou FHC, a quem classificou de “arauto da legalização das drogas” “que prega a união PSDB-PT” para “enfrentar o monstro Jair Messias Bolsonaro”. Também fez questão de ressaltar que o candidato do PSL tem “sangue nos olhos para emparedar vagabundo”. O senador tb minimizou os efeitos do anúncio de sua desistência de ser vice, afirmando que não abandonou o aliado e que seria mais útil no Senado. “Todas as minhas decisões foram tomadas junto com Bolsonaro”, disse.

Veja